Tatoo: la peau sans passeport

VENDIDO, São Paulo - Brasil Dimensão: 70 x 150 x 4 cm

“Tatuagem: a pele sem passaporte”

Ano de produção: 2017

Técnica: acrílico

Dimensão: 70 x 150 x 4 cm

“Tatoo: La peau sans passeport” (“Tatuagem: a pele sem passaporte”), de Diane Dumas (@dianedumas11)

Realizada com tinta acrílico e 3D relevo sobre painel (70 x 150 x 4 cm), a obra traz um fundo que mescla amarelo, preto e branco, constituindo uma simbólica pele a partir das cores associadas a essas três raças. Elas estão mescladas, mas cada uma mantém a sua identidade. Surge assim uma nova pele que todos teriam, mas mantendo diferenciações individuais. Nessa pele mundial, estão, como no célebre teste de Rorschach, em que imagens são sugeridas pela maneira como são apresentadas, há três crianças de um lado e igual número de adultos do outro, sendo dois de cada cor. Pelo efeito de dobra, surgem diálogos simétricos entre a infância e a idade madura. O conjunto da imagem evoca, como um livro com múltiplas narrativas, as possibilidades de realizar conexões entre aquilo que se foi e o que se pode ser, mas mantendo a mesma pele universal, que dispensa passaportes de nacionalidade.

Oscar D’Ambrosio

Exposição na AASP São Paulo